Inseminação artificial – Preço

A inseminação artificial é uma técnica de reprodução assistida no qual o médico injeta o sêmen do marido ou do doador diretamente dentro do colo do útero. A ideia da inseminação intrauterina é muito simples: fazer com que os espermatozoides cheguem com facilidade as tubas uterinas para que ocorra a fertilização dos óvulos.

Quando a inseminação artificial é necessária?

Pergunta muito frequente, pois muitos casais não sabem se realmente precisam recorrer à inseminação artificial. Em geral, a inseminação artificial é recomendada quando há dificuldade em se engravidar naturalmente como nos seguintes casos:
– casos de alterações do colo do útero que impedem ou dificultam a chegada do espermatozoide até lá
-em casos de disfunção ejaculatória, incluindo disfunção erétil
-alterações leves ou moderadas do sêmen como espermatozoides lentos e pouco móveis
-quando homens armazenam sêmen para o futuro antes de realizar uma vasectomia, cirurgia testicular ou tratamento com radiação

Nos casos de infertilidade do parceiro da mulher é possível fazer a inseminação artificial com espermatozoides doados.

Inseminação artificial Preço

Etapas da inseminação artificial

-Indução da ovulação: a mulher deve utilizar medicamentos com o objetivo de estimular o crescimento dos folículos ovarianos.Essa etapa dura aproximadamente 10 dias.

-Coleta e preparo do sêmen: a coleta do sêmen é feita alguma horas antes do procedimento de inseminação e é enviado para um laboratório para ser processado. O objetivo do processamento é separar o maior número de espermatozoides de boa qualidade, remover espermatozoides mortos, células e outras substâncias que podem estar presentes.

-Inseminação intrauterina: a inseminação é realizada no período ovulatório. A paciente recebe os espermatozoides, que são colocados por meio de um cateter,  na cavidade endometrial. O procedimento é bastante simples e rápido, porém após a inseminação a paciente deve permanecer em repouso por cerca de 30 minutos.

Em geral, as taxas de gravidez variam de 5 a 20% por tentativa, dependendo de fatores como a idade da mulher, tempo de infertilidade, etc.

Duração do tratamento:

O período entre o início do tratamento e a confirmação de uma gravidez gira em torno de um mês. No início do ciclo menstrual a mulher começa a tomar a medicação e a inseminação é realizada após a liberação dos óvulos, cerca de 15 dias após. Depois de 12 dias da inseminação, testes são realizados para ver se há gravidez. Caso a fecundação não tenha ocorrido, é possível continuar no próximo ciclo.

Quanto custa uma inseminação artificial?

Apesar de parecer bastante simples, a inseminação artificial, assim como outras técnicas de reprodução assistida utiliza procedimentos de alta tecnologia, o que encarece o procedimento. Além do investimento em equipamentos e em profissionais altamente treinados, os medicamentos utilizados apresentam custos elevados.

Os preços variam de acordo com o método e a região do país. Os mais baratos podem custar R$1,5mil e os mais caros podem chegar a aproximadamente R$10mil.

É possível buscar o tratamento de forma gratuita em alguns hospitais públicos brasileiros, porém nem sempre é possível ter acesso gratuito aos medicamentos.

Comentários